x

Posso ajudar?

Posso ajudar?

Implante de Neuroestimulador medular

  Um sistema chamado neuroestimulador medular é implantado no paciente. Este sistema utiliza um eletrodo sobre a medula, ligado a um dispositivo semelhante a um marca-passo, que entrega estímulos leves sobre a medula que bloqueiam os impulsos de dor que seriam transmitidos ao cérebro.Os eletrodos podem ter diversos tamanhos e formas, o médico escolherá de acordo com cada caso.O eletrodo fica dentro da coluna, na parte de trás da dura-máter, membrana que cobre a medula espinhal, entre ela e o osso.

  Geralmente o paciente é submetido a uma fase de testes em que os eletrodos são implantados, mas a estimulação elétrica é realizada através de gerador externo, esse prazo do teste é variável, podendo durar de 3 a 10 dias, a depender da resposta e segurança de passar para o próximo passo.Durante o período de teste, a pessoa terá como avaliar como é sua resposta à estimulação

Caso a estimulação elétrica, durante a fase de testes não beneficie o doente, os eletrodos são removidos; caso seja positiva, o gerador interno e definitivo é implantado.

 

   O problema mais comum é a dor no local do implante que dura alguns dias. Seu médico de dor pode receitar analgésicos até a dor cessar.

Complicações possíveis: infecção, sangramento, lesionamento do nervo ou medula, punção dural, e deslocamento indevido ou rompimento dos fios.

A maioria das pessoas podem retomar atividades leves alguns dias depois do procedimento, mas, até dois meses pós-procedimento, deve-se evitar levantar peso, virar e retorcer o corpo, assim permitindo que os eletrodos cicatrizem na posição certa.

 

  O acompanhamento da programação do estímulo é feita pelo técnico da empresa fabricante sob ordenança do médico ou pelo médico sozinho. Os ajustes iniciais são mais frequentes até achar o equilíbrio ideal. Depois as visitas ficam espaçadas.

Neuroestimulador implantado

  • Facebook Social Icon
  • Instagram ícone social

Cirurgias: Hérnia de disco, Estenose, Fratura Vertebral, AVC, Aneurisma, Hipófise, Neurocirurgia Funcional, Espondilólise e Espondilolistese, 

Síndrome do Túnel do Carpo, Dor crônica

© Clínica Regenera. Criado por

logo_spine.gif